Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Controversa Maresia

um blogue de Sofia Vieira

Controversa Maresia

um blogue de Sofia Vieira

bye bye manuela

por Vieira do Mar, em 03.09.09

Era por demais evidente que, desde a saída de Moniz da TVI, a situação de Moura Guedes e do seu Jornal se tornara insustentável. Os desmandos desta, por muito que às vezes acertassem na mouche do governo de Sócrates, tornar-se-iam com o tempo numa espécie de contra-poder fanático, obsessivo, e não raras vezes pouco objectivo. Manuela Moura Guedes (MMG) manteve-se firme e hirta no lugar, contra tantos ventos e marés, porque era mulher do chefe, ponto. Com Moniz fora do baralho, foi apenas uma questão de tempo até ser corrida. O suposto timming se calhar não quer dizer nada de especial. Porque, a ter sido uma "ordem" de Sócrates, dada por interposta pessoa colectiva (a Prisa), parece assim de repente um enorme tiro do pé. Não é preciso ser a Maya para, num exercício básico de previsibilidades futuras, concluirmos que pode ser muito mais prejudicial para o PS, à beira das eleições, "calar" um jornal que faz "oposição" do que não fazer nada. Isto porque já saltam por todos os lados os paladinos da liberdade de expressão e da democracia, e não é de todo do interesse do governo, nesta altura, que lhe seja atribuído um acto aparentemente censório desta magnitude. Parece mal - parece mesmo muito mal - , e se calhar muitos indecisos, que nunca simpatizaram com os tiques despóticos de Sócrates mas que até terão concordado com algumas  das suas políticas, só para chatear já não votam nele, chocados com esta  alegada manifestação de insegurança política. Que, para a oposição, é obviamente um prato cheio, a ser lambuzado e espremido até à exaustão, leia-se: até ao último voto. MMG vem falar de "cachas" sobre o Freeport que terão sido, eventualmente, "silenciadas" com esta decisão. Francamente, não acredito, só se existirem na cabecinha dela; o zé povinho está mais do que farto do "caso Freeport" e de insinuações que não deram  - e não dão - em nada. Com a histeria Freeport, MMG conseguiu essencialmente dar uma imagem de inoperância da Justiça. Já quanto à imagem de Sócrates, francamente, só lhe faltou criar asas e nascer-lhe um halo, de tal forma soube explorar a ideia da vítima e do coitadinho. Portanto, não vejo que grandes danos uma depauperada Moura Guedes, sem a muleta do chefe-marido, poderia provocar, a três semanas das eleições, na imagem do PS. A paranóia mediática, alimentada pela oposição,  que já se começou a gerar em torno da suspensão do "Jornal de Sexta" ou lá como se chama, essa sim, parece-me  potencialmente mil vezes mais prejudicial.

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2008
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2007
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2006
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2005
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2004
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D